Primeiramente é importante saber que o alistamento militar é obrigatório para todos os homens brasileiros que complementam 18 anos. No ano que o décimo oitavo aniversário é completado, o jovem deve se apresentar para um dos 3 serviços: exército, marinha ou aeronáutica.

 

Esse é um dos passos que todos aqueles que sonham em seguir carreira militar devem seguir. É claro que as pessoas que não aspiram essa carreira também devem se apresentar, afinal, é obrigatório por lei.

Mesmo com essa obrigatoriedade, há um grupo de pessoas que ganham a dispensa direta assim que se apresentam. A lista você pode ver abaixo:

 

  • Portadores de deficiência
  • Portadores de doenças crônicas, como: asma, bronquite
  • Portadores de Problemas Psicológicos ou Mentais
  • Jovens com filhos (mediante comprovação)

 

E engana-se quem pensa que basta não se apresentar para as Forças Armadas que já estará livre de qualquer compromisso com o estado. De acordo com a lei, quem estiver com débito com o Exército, Marinha ou Aeronáutica, ou seja, quem não se apresentar, será impedido de: fazer concurso público, tirar ou renovar passaporte, matricular-se em instituições de ensino.

 

Além disso, muitas empresas pedem o comprovante de dispensa militar para contratar funcionários, ou seja, se você não tiver qualquer documento que comprove o alistamento (ou dispensa) sua vida será muito complicada.

 

E não se preocupe em perder a data do alistamento militar, pois o governo e as forças armadas, no início de todos os anos, fazem campanhas massivas de publicidade para lembrar e informar aos jovens sobre seus compromissos. Portanto, basta procurar o quartel mais próximo da sua casa para fazer o seu alistamento militar.