O PL88/2023 de autoria do deputado distrital, João Cardoso reconhece os esportes eletrônicos no Distrito Federal e classifica os adeptos dessas modalidades esportivas como atletas. O texto aprovado por unanimidade na CAS/CLDF, ontem (12/04), defende os e-sports enquanto mecanismos de socialização, diversão e aprendizagem. Também que são importantes ao fomento da economia, visto que já respondem pela circulação de bilhões de reais em prémios, patrocínios, remuneração dos praticantes.

De acordo com o autor da proposta, deputado distrital, João Cardoso, os esportes eletrônicos estão em franco desenvolvimento e o poder público não pode se eximir da responsabilidade de garantir o amparo legal e o acesso. “Demos um passo importante aqui hoje, o DF está na vanguarda de tornar os e-sports ainda mais atrativos e acessíveis aos interessados”, comentou. “Os avanços tecnológicos das últimas décadas transformam radicalmente a realidade, o que leva à necessidade constante de atualização de quase tudo”, disse.

O projeto de lei agora segue à apreciação dos parlamentares da Comissão de Constituição e Justiça da CLDF.