ALEXANDRE DE PAULA
JÉSSICA EUFRÁSIO

A Câmara Legislativa aprovou, nesta quinta-feira (12/12), a redução das alíquotas do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para 2020, em primeiro turno. A redução será de meio ponto percentual nas taxas praticadas atualmente. A matéria teve 21 votos favoráveis e três abstenções.

Com a alteração, a alíquota do IPVA a partir de 2020 cai de 2,5% para 2% para ciclomotores, motos, quadriciclos e triciclos e de 3,5% para 3% para automóveis, caminhonetes, utilitários e outros veículos. O projeto de lei, apresentado pelo Executivo, não sofreu modificações nas comissões.

A redução nas alíquotas foi uma promessa de campanha do governador Ibaneis Rocha (MDB). O emedebista tentou emplacar a mudança no final da legislatura passada, mas a alteração não foi proposta pelo então governador Rodrigo Rollemberg (PSB).

Estudou-se também, à época, a alteração via proposta dos próprios distritais, mas a ideia foi abandonada pelo risco de ser considera inconstitucional.

O projeto de lei entrou em votação como item extra na pauta. Para o deputado Rafael Prudente (MDB), presidente da Casa, considerou a redução condizente, devido à taxa de inadimplência nos pagamentos. “Estamos corrigindo um erro do passado. A gestão anterior aumentou (uma das alíquotas) de 3% para 3,5%. Estamos voltando com ela para 3%”, afirmou.

Por Alexandre de Paula CB.Poder,  Notícias – Foto: Ed Alves/CB/D.A PRESS. BRASIL.