Registros devem ser realizados exclusivamente pelo aplicativo Codhab Cidadão; empreendimento é destinado a candidatos das faixas de renda entre R$ 4.000,00 e 12 salários mínimos

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) informa nesta quarta-feira (11), a prorrogação do prazo para manifestação de interesse no empreendimento Residencial Sobradinho, em Sobradinho. Agora, o prazo vai até às 18h do dia 11 de fevereiro de 2023. Os interessados devem realizar a manifestação exclusivamente pelo aplicativo Codhab Cidadão.

O empreendimento estará localizado a 25 minutos do centro de Brasília. Com fácil acesso a centros educacionais públicos e privados, hospitais, centros clínicos, mercados e lanchonetes. O financiamento do imóvel será feito diretamente pela construtora ou pelo agente financeiro que por ela for determinado

O empreendimento é destinado aos candidatos com a situação “Habilitado-Documentação Aprovada”, inseridos nas faixas de renda 3 (de R$ 4.000,01 a R$ 7.000,00) e 4 (acima de R$ 7.000,01 a 12 salários mínimos). Será construído na Quadra 02, Conjunto D8, projeções A e C.

Depois do prazo de manifestação, os candidatos devem aguardar o contato da Codhab ou da construtora.

O empreendimento

O Residencial Sobradinho contará com 96 unidades habitacionais, distribuídas em duas torres. Os apartamentos serão compostos por 2 quartos, sala, cozinha e banheiro social, totalizando com 47 m². O condomínio terá salão de festas, bicicletário, elevadores e guarita.

Além disso, o empreendimento estará localizado a 25 minutos do centro de Brasília. Com fácil acesso a centros educacionais públicos e privados, hospitais, centros clínicos, mercados e lanchonetes. O financiamento do imóvel será feito diretamente pela construtora ou pelo agente financeiro que por ela for determinado.

A responsável pela obra do residencial é a JC Peres Engenharia, selecionada pelo Edital de Concorrência nº 04/2020, em atendimento à Política Habitacional do DF.

*Fonte: Agência Brasília, Edição: Saulo Moreno, com informações da Codhab-DF