Candidatos de nível superior precisam ter registro ativo no conselho profissional. Também são ofertadas vagas para nível médio

Na segunda-feira (29), o Hospital Regional de Sobradinho (HRS) irá abrir inscrições para o programa de profissional voluntário. A oportunidade permite que os interessados possam enriquecer o currículo, adquirir experiência e colaborar com a saúde pública do Distrito Federal.

O propósito do programa é atender melhor à população e diminuir a sobrecarga de trabalho. Traz também uma melhora no atendimento, uma vez que há aumento de profissionais qualificados para a prestação de serviços.

As inscrições são feitas apenas de forma presencial. Os candidatos devem se dirigir ao auditório do bloco administrativo do HRS, das 9h às 12h ou 14h às 18h, munidos dos documentos necessários e respectivas cópias (lista completa abaixo), além de preencher o termo de adesão e a declaração de não servidor.

Candidatos

Podem participar da seleção, profissionais formados em qualquer área de nível superior ou técnico, que tenham registro no conselho de classe. Interessados que concluíram o ensino médio também poderão concorrer para as vagas destinadas às atividades administrativas.

Ao concluir o programa, o voluntário recebe certificado emitido pela Secretaria de Saúde (SES) com o total de horas prestadas e a descrição das atividades exercidas. O documento serve como comprovante de experiência profissional. O serviço prestado não é remunerado.

Atuação e seleção

Os voluntários podem colaborar tanto na área administrativa quanto na assistência do HRS, das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e dos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) da região de Sobradinho.

Semanalmente, o voluntário precisa cumprir uma carga horária mínima de quatro horas, sem ultrapassar o total de 40 horas. O programa tem duração de um ano, podendo ser prorrogável por igual período.

Os selecionados serão informados por e-mail. A previsão é de que as atividades dos novos voluntários sejam iniciadas na primeira quinzena de março.

Dúvidas

Questionamentos podem ser encaminhados para o e-mail: cvolhrs@gmail.com ou ao Núcleo de Educação Permanente em Saúde (Neps) do HRS.

Documentação necessária:

  • Cédula de identidade civil ou militar;
  • Declaração de CPF regular emitido pelo site da Receita Federal;
  • Comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone) em seu nome ou o comprovante + declaração em modelo próprio assinada pelo dono do imóvel;
  • Diploma de conclusão do curso informado (cargo pretendido);
  • Carteira do conselho de classe e certidão negativa do ano corrente;
  • Certidão criminal negativa emitida pelo TRF 1° região – Certidões Negativas da 1ª Região (trf1.jus.br);
  • Certidão negativa criminal TJDFT – Certidão de Nada Consta — Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (tjdft.jus.br);
  • Cartão de vacina atualizado.

Fonte: Lorena Santana, da Agência Saúde-DF ,  Edição: Willian Cavalcanti