Vice-governadora Celina Leão participou do encerramento do evento na manhã deste sábado (16). Governo levou lazer e atendimentos sociais, médicos e jurídicos para a população

Os moradores de Sobradinho II acordaram cedo na manhã deste sábado (16) para aproveitar o último dia do GDF Mais Perto do Cidadão na cidade. A iniciativa garantiu acesso gratuito a atendimentos sociais, médicos, psicológicos, assistenciais, jurídicos e também muito lazer. O encerramento da 12ª edição do programa também contou com a presença da vice-governadora Celina Leão, que visitou a estrutura montada ao lado da sede da Administração Regional.

“O GDF Mais Perto do Cidadão é o momento em que o governo sai de dentro de suas secretarias para trazer vários serviços à porta da casa de quem realmente precisa”, aponta Celina Leão. “É um grande encontro com a população, que oferece atendimento a pessoas vulneráveis que muitas vezes não têm condições de se locomover em buscar auxílio e informação”, completa.

O encerramento da 12ª edição do programa também contou com a presença da vice-governadora Celina Leão e da secretária de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, Marcela Passamani, que visitaram a estrutura montada ao lado da sede da Administração Regional

Exames e consultas médicas, tratamento odontológico, vacinação de pets, serviços de beleza, orientações jurídicas da Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) e do Na Hora. Em Sobradinho II, todas as ações foram realizadas ao som de muita música ao vivo, com direito a algodão doce e pipoca. Também houve programação voltada para a criançada, como brincadeiras infantis, teatrinhos e cama elástica.

Secretária de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, Marcela Passamani comemorou os mais de 70 mil atendimentos realizados em 11 edições do programa. E destacou duas novidades trazidas pela 12ª edição do evento. “Estamos com uma carreta da Polícia Rodoviária Federal que, em parceria com dentistas e médicos, oferece atendimento odontológico e oftalmológico”, contou.

Moradora de Sobradinho II, a dona de casa Kaisa Silva de Sousa, 30 anos, participou do programa pela primeira vez. E gostou da experiência. “É um evento maravilhoso. Fiz vários tratamentos, como massagem, auriculoterapia e ventosaterapia. Também fiz minha sobrancelha, o que ajudou a aumentar minha autoestima”, ressalta. “Para mim, o GDF Mais Perto do Cidadão é um serviço indispensável, que aproxima o governo da comunidade.”

A iniciativa garantiu acesso gratuito a atendimentos sociais, médicos, psicológicos, assistenciais, jurídicos e também muito lazer

A aposentada Vera Lúcia de Souza, 57 anos, aproveitou a oportunidade para realizar consultas médicas de rotina. “Aqui é muito bom. Eu moro perto e isso nos ajuda demais; fiz vários exames e vou fazer mais. Já levei meu cachorro para tomar vacina, estou aproveitando tudo que o evento tem para nos oferecer”, disse.

Iniciativa conjunta

Instituído em fevereiro deste ano, o GDF Mais Perto do Cidadão já visitou as cidades do Riacho Fundo II, Ceilândia, Planaltina (em duas oportunidades), Sobradinho, Samambaia, Brazlândia, Itapoã, Recanto das Emas, São Sebastião e Santa Maria.

O programa é feito a várias mãos, com a participação conjunta de diversos órgãos do GDF, como Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF), Defensoria Pública, Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab), Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Fonte: Carolina Caraballo e Victor Fuzeira, da Agência Brasília, Edição: Igor Silveira, Fotos: Renato Alves/Agência Brasília