Coronel Nascimento

JS – O senhor assumiu recentemente a Administração Regional de Sobradinho. Quais são as suas perspectivas para a cidade?

A verdade é que há muito a ser feito, há muito trabalho e estamos aqui para isso. Precisamos muito avançar no desenvolvimento da nossa cidade em diversos aspectos, sem, contudo, abrir mão da nossa qualidade de vida. Para tanto, estamos atentos às demandas que temos recebido dos moradores e das lideranças comunitárias e empresariais, sendo que a ordem é: RESOLUTIVIDADE. A equipe da nossa Administração tem este compromisso. Assim, apesar do pouco tempo, tenho certeza que poderemos realizar um grande trabalho em favor dessa cidade amada.

JS – Sobradinho tem recebido avanços na área de Saúde? O que tem sido feito para combate ao Covid-19 e a Dengue em nossa Cidade Serrana?

Este sim é nosso grande desafio. O mundo todo enfrenta esta grave pandemia da COVID-19, além disso, enfrentamos também a epidemia de Dengue. Os números têm sido desfavoráveis à nossa região, no entanto, temos enfrentado energicamente esta crise. No último dia 1º de setembro a Administração Regional de Sobradinho promoveu uma reunião em sua sede a fim de estabelecer uma frente conjunta de combate, tanto à dengue, quanto à COVID-19. Participaram desta importante convocação, além deste Administrador, o Administrador da Fercal, Fernando Madeira, os representantes da Administração do Sobradinho II, a Dra. Renata, Diretora da Atenção Primária à Saúde de toda a Região Norte, a Dra. Sabrina, Superintende dos Hospitais de Sobradinho e de Planaltina, o Dr. Amilton, Chefe da Vigilância Epidemiológica da Região Norte, a Sra. Joaquina, responsável pelo SLU em nossa Região e a Sra. Daniela, Gerente de Fiscalização do DF-Legal. Como podem ver, uma verdadeira Força-Tarefa. Analisamos os últimos números e definimos ações imediatas e futuras no combate a estas doenças.

JS -Sobre a qualidade de vida na cidade, o Sr. acredita que tenha melhorado?

Na foto Coronel Nascimento com o Engenheiro do DER na obra de pavimentação da entrada do Dignéia 2 e 3 – obra praticamente concluída – faltando apenas alguns detalhes quanto aos meios-fios

Posso dizer que sim, pois temos uma equipe que trabalha diariamente, nas mais diversas frentes; e temos nos alinhado, não apenas quanto à saúde, mas também quanto à segurança – tendo recebido o Delegado da 13ª DP, Dr. Maldonado e o Ten-Cel Genilson, novo Comandante do 13º BPM – e quanto à educação, cultura, mobilidade, esporte e lazer. Destaco que recentemente alcançamos, antes do prazo, a meta estabelecida pelo Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, BURACO-ZERO, ou seja, asfaltamos todos os buracos que foram localizados, bem com aqueles decorrentes de solicitações da comunidade por meio da Ouvidoria (162). Mas, não somente isso, temos percorrido quadra por quadra a fim de localizarmos novos buracos (avançando para toda a região do Nova Colina e Setor de Expansão Econômica), iniciamos os trabalhos de desobstrução de bueiros, estamos recuperando meios-fios, temos um levantamento completo e buscamos recursos para a restauração de calçadas, para o recapeamento de novas vias e para muitas outras intervenções em favor da qualidade de vida na cidade. Infelizmente, ainda sofremos com descarte de lixo e entulho em lugares inapropriados e solicitamos a cooperação de cada cidadão. Houve situação de limparmos uma área pela manhã e já no início da tarde terem lançado mais lixo. Estivemos acompanhando de perto os trabalhos realizados pelo DER no acesso ao Diguinéia 2 e 3. O asfaltamento daquela entrada é um pleito antigo da comunidade, encaminhado por esta Administração e que trará segurança e conforto aos moradores daquela região. Contamos com a população como parceira, a fim de mantermos nossa cidade bem organizada e bonita.

JS – Quais espaços de lazer nesse período de Pandemia estão sendo oferecidos à comunidade?

Em decorrência da pandemia, estamos muito prejudicados ainda quanto ao uso dos espaços comunitários e coletivos de lazer, a fim de não termos aglomerações. Mas acreditamos que este período turbulento em breve passará e poderemos voltar ao normal – mesmo que seja um novo normal. Ainda assim, temos buscado formas e recursos de restaurarmos nossas praças, áreas de lazer e de esporte, a exemplo do Complexo Esportivo João de Barro da Quadra 6, onde recolocamos areia, reparamos alambrados e calçadas – é só o início de uma recuperação completa que está sendo realizada pela NOVACAP.

JS- Comerciantes e Microempresários da cidade, tem reclamado muito da falta de segurança e arrocho excessivo de órgãos como SOS DF e outros órgãos de fiscalização. O que o Sr tem a dizer?

Como dito anteriormente, já tivemos encontros tanto com o Delegado-Chefe da 13ª, como com o Comandante do 13º BPM; e não foram reuniões protocolares, mas sim reuniões de trabalho operacional visando aperfeiçoarmos o trabalho em prol da segurança de toda a cidade. Quanto ao “arrocho excessivo” confesso que não recebi nenhuma reclamação neste período, além desta; sendo necessário que os empresários se manifestem concretamente, ou por meio da Ouvidoria (162) ou presencialmente – será uma honra recebe-los, como já tenho feito. Por outro lado, o número de casos de COVID-19 em nossa cidade aponta para a necessidade de redobrarmos nossos cuidados e nossa prudência. Neste sentido, convocamos não apenas os empresários, mas cada cidadão, para juntos observarmos os cuidados necessários. Nossa economia precisa voltar 100% à sua atividade, mas preservando-se a vida como bem maior – com os devidos cuidados, tanto a vida, como a economia serão preservadas.

JS – Estamos em época de seca e estiagem, quais são as medidas prioritárias para antes das chuvas? E as áreas de riscos da região, o Sr tem acompanhado as demandas de perto?

Sim. Esta é uma preocupação certa para este momento. Recebemos o Ten-Cel Clayton da Defesa Civil a fim de tratarmos de medidas preventivas para a proteção e para o amparo social diante do período chuvoso que se aproxima. Além disso, conforme já foi mencionado, temos nos empenhado na operação tapa-buraco, na desobstrução de bueiros, bem como na construção de bacias de contenção em estradas rurais. Contamos também com o trabalho contínuo da NOVACAP na poda de árvores. Creio que chegaremos preparados para enfrentar as chuvas. Neste sentido, solicitamos mais uma vez a cooperação da população no descarte correto de resíduos.

Por Emicles Nogueira Nobre Júnior (Júnior Nobre) / Jornalista Profissional DRT 12050/DF – Editor do Jornal de Sobradinho (Impresso) / Blog do Emicles e Site Jornal de Sobradinho