A Polícia Civil do DF tomou conhecimento a cerca de um crime de estupro de vulnerável, ocorrido no condomínio Mirante da Serra, no setor de Mansões de Sobradinho II. A vítima, uma jovem de 20 anos de idade, teria saído com um grupo de amigos para uma confraternização na casa de um deles. Por ter consumido bebida alcoólica toda a noite, a vítima decidiu dormir em uma cama que estava na sala da casa do suposto amigo.

Por volta das 4:00 horas da madrugada a vítima fora surpreendida com o agressor deitado sobre seu corpo, forçando a prática de relação sexual não consentida. A jovem travou um embate corporal com o agressor para se livrar dele, vindo a pedir ajuda para ser levada até a residência de uma terceira pessoa. e ali passaram a fazer contato com a polícia. Comunicada do crime, a 35ª DP desenvolveu intensa investigação, ouvindo várias testemunhas que se encontravam no local do crime e que prestaram socorro a vítima.

O agressor, além de praticar o estupro, ainda fez ameaças a vítima para impedir que ela procurasse socorro policial. O criminoso fora autuado em flagrante pelos crimes de ameaça e estupro de vulnerável, podendo ser sujeitado a uma pena de até 15 anos de reclusão.


Assessoria de Comunicação/DGPC
#PCDFemAção
PCDF, excelência na investigação