brasília

Segundo Pedro Capozzi, presidente da Abracerva-DF, fundos serão destinados para ações de divulgação das cervejarias locaisCompartilhar

Brasília completou 60 anos no dia 21 de abril. E, mesmo com o clima turbulento na capital do país, que vive em meio à pandemia do coronavírus e a uma grave crise política, as cervejarias da região dedicaram um presente mais do que especial: um rótulo colaborativo – a Quadradinha – feito por 34 marcas.

O projeto foi uma iniciativa da Associação Brasileira de Cerveja Artesanal do Distrito Federal (Abracerva-DF) e surgiu a partir de uma ação coordenada entre fornecedores de insumos, produtores e distribuidores de cerveja locais.

Batizada como Quadradinha em função do apelido da capital, derivado do formato de suas fronteiras, a cerveja é uma Hop Lager puro malte. Trata-se de uma cerveja clara, leve, pouco alcoólica e fácil de beber, segundo descreve a Abracerva. Tem, ainda, 5% de teor alcóolico e 22 IBUs.

Entre as 34 marcas participantes, por sua vez, 33 são cervejarias e uma é a Candango Bräu/Agrária, loja de insumos que doou a matéria-prima para a fabricação do rótulo que, por sua vez, foi produzido na Bezy, de Sobradinho.

Segundo Pedro Capozzi, presidente da Abracerva-DF, os fundos arrecadados na venda da Quadradinha serão destinados para ações de divulgação das cervejarias locais e pequenos negócios afins, como bares associados.

“Nossa ideia foi a de unir diversas marcas de Brasília para produzir uma cerveja artesanal com qualidade e baixo custo para o cliente final. Os fundos arrecadados vão ser destinados para ações da Abracerva, divulgando pequenos comércios e seus respectivos sistemas de entrega, take out e lojas virtuais”, detalha Capozzi.

A cerveja será distribuída entre associados da Abracerva-DF e cada um
comercializará a lata em suas respectivas plataformas. O preço da Quadradinha será fixado em R$ 8 (lata de 473ml).

Confira os participantes da ação: Agrária/Candango Bräu (fornecedor de insumos), 2 Candangos, Activista, Bezy, Biela Bier, Bracitorium, Brasília Bier, Brother Brew, Bunker, Candango Bräu, Cerrado Beer, Corina, Corrupta, Criolina, Cruls, Dümf, Edbeer, Embuarama, Estória, Fermentaria, Giro, Godofredo – 408 Norte, Gont’s, Hop Capital, Inocente, Metanoia, Nomocó, Quatro Poderes, Recanto, São Bento, Satori, Substanz, Totem e V2 Custom Beer.

Fonte: guiadacerveja.com