Nessa terça-feira, 26, a Secretária de Ciência Tecnologia e Inovação (SECTI) reuniu os administradores e representantes das cidades administrativas do Distrito Federal para apresentação da implementação do Projeto Wi-fi Inteligente gratuito para a população. Presidiu a reunião o secretário adjunto da SECTI, Gustavo Alvares.

 

O projeto para disponibilização de pontos de internet gratuito nas regiões administrativas é uma das propostas do atual governo, que busca tornar Brasília uma Cidade inteligente conectada e acessível para todos. “Nas regiões administrativas os pontos de internet serão colocados em locais estratégicos para atender à população. A meta é a inclusão digital do cidadão ”, explicou Alvares.

 

A Cidade Inteligente proposta pelo atual governo além de oferecer o Wi-fi Inteligente pretende, durante a gestão, oferecer mobilidade, empreendedorismo, saúde (diagnóstico digital) e seguranças nas ruas de forma digital e conectada, afim de tornar o Distrito Federal uma referência de cidade digital.

 

De acordo com a SECTI, o Wi-fi inteligente terá um prazo mínimo de navegação de trinta minutos por pessoa. O acesso à internet poderá ser feito após um simples cadastro. Os administradores das RA’s poderão escolher os pontos mais favoráveis para instalação da rede como hospitais, rodoviárias e áreas públicas. Estima-se que até a metade do ano os sinais sejam colocados.

 

“O Wi-fi Inteligente será uma excelente oportunidade de ajudar a população a ter mais acesso às informações e de começar uma era de inclusão digital na cidade”, avaliou o chefe de gabinete da Administração de Sobradinho, Cícero Lima.

 

Por Kátia Karina